Matéria G1

Rebatizada de Neguinha para Frida, animal ficará sob os cuidados de protetora de animais de Ribeirão Preto (SP), que decidiu adotá-la. ‘Animais são especiais’, diz.

A cadela com paralisia que foi resgatada da rua por uma faxineira em Jardinópolis (SP) já encontrou um novo lar em Ribeirão Preto (SP). Rebatizada de Neguinha para Frida, ela ficará sob os cuidados de uma protetora de animais, a faxineira Regina Maria da Silva.

Regina mantém um abrigo para 200 animais resgatados em situação de maus-tratos. Nesta quarta-feira (21), Frida passou a viver no local que virou seu novo lar, já que a própria Regina ficou comovida com a história e decidiu adotá-la.

“Animais são especiais. São anjos. Eles não têm nada de ruim. São puros, verdadeiros e devolvem nosso carinho com tudo que eles têm de melhor, que é o amor puro que nós, seres humanos, não temos”, diz.

Busca por ajuda
Frida ficou na casa da faxineira Suelen Bernardes Lopes por dois dias. Na segunda-feira (19), Suelen a resgatou após o passageiro de um carro abandonar o animal na rua da casa da patroa dela, no bairro São Marcos, em Jardinópolis. Câmeras de segurança registraram a ação, mas não foi possível identificar a placa do veículo para prestar queixa.

Sensibilizada com a situação do animal, Suelen decidiu levá-la para Ribeirão Preto, onde mora, e passou a buscar ajuda. Como trabalha o dia todo fora de casa, não pôde adotá-la, por saber que não poderia oferecer os cuidados e dar a atenção necessária a ela.

“Na rua, ela não ia ter segurança. Pensei no bem-estar dela. Eu não ia nem dormir, sabendo que ela estaria se rastejando na rua, debaixo de chuva, com fome e frio”, disse.

Esperança de retomar movimentos
Nesta quarta-feira, Regina encontrou Frida na casa de Suelen. Após a despedida, a cadela foi levada a uma clínica parceira dela. De acordo com a médica veterinária Mariana de Felício, a cadela tem chance de voltar a andar, pois ainda responde a estímulos na região em que sofreu lesões – provavelmente em decorrência de um atropelamento.

“Ela tem reflexos diminuídos, mas tem, e isso já nos deixa bastante contentes, porque dá bastante chance de voltar a andar”, diz Mariana.

0284

You may also like

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Animais