Guarda Municipal salva homem que seria executado em Jundiaí

Guarda Municipal salva homem que seria executado no São Camilo

Via RS Notícias.

A Guarda Municipal de Jundiaí, salvou um homem que seria executado pelos chefes do tráfico, no chamado Tribunal do Crime. O fato ocorreu na rua Pedro Ravaiane, no Jardim São Camilo, em Jundiaí.

Um rapaz de 37 anos, que trabalhava para o tráfico, havia sido torturado e estava amarrado. Ele confessou aos guardas municipais que os chefões do tráfico iriam matá-lo na noite desta segunda-feira (10), pois foi jurado de morte pelos traficantes por conta de uma dívida.

Em seguida os guardas, encaminharam o homem com vários ferimentos ao Pronto Socorro do Hospital São Vicente de Paulo.

No local também foram apreendidas 16 kg de drogas (tijolos de maconha, crack, cocaína e lança-perfume) em um cômodo no Jardim São Camilo. Também foram encontrados binóculo, balança de precisão e uma serra tico-tico.

Como foi o encontro

Os guardas do Canil, Júlio César, Monique e Calixto com o subinspetor Daniel faziam o patrulhamento pela rua, quando visualizaram algumas pessoas correndo de um pequeno imóvel.

Os guardas com o cão Gold passaram a averiguar a área, quando o animal sinalizou para os guardas que tinha drogas no local indicado por ele. Ao chegarem nesta cômodo da viela, ouviram um pedido de socorro.

Quando entraram, viram o rapaz amarrado e torturado.

A ocorrência foi apresentada no DP da Ponte São joão, em Jundiaí.

Total
1
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Post

Guarda Municipal evita suicídio em Itupeva

Next Post

Bebê Zoe Maria é adotada três dias após ser abandonada na igreja em Jundiaí

Related Posts