Hospitais de Jundiaí devem receber pacientes com Covid-19 de São Paulo

Jundiaí (SP) deve começar a receber nos próximos dias pacientes com coronavírus vindos da Grande São Paulo. A medida foi tomada pelo governo do estado porque a disponibilidade de leitos na capital está próxima do limite.

Com 89% de ocupação, ou seja, 1.744 doentes em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) de hospitais na Grande São Paulo, a Secretaria Estadual de Saúde acendeu o sinal de alerta para um possível colapso no sistema público e decidiu direcionar novos pacientes para cidades do interior, como Jundiaí e Sorocaba (SP).

De acordo com o gestor de Saúde de Jundiaí, Tiago Texera, a medida traz preocupação, uma vez que a prefeitura se preparou apenas para atender doentes de Jundiaí e de outras seis cidades da região, que juntas somam cerca de 800 mil habitantes.

Desta forma, pode haver sobrecarga nos hospitais do município e existe o risco de os próprios moradores de Jundiaí ficarem sem leitos. No entanto, a medida adotada pelo estado deve ser temporária.

O gestor explica que, a princípio, os pacientes da Grande São Paulo serão levados para os hospitais sob gestão estadual e, em seguida, para as estruturas municipais.

Em Jundiaí, a secretaria estadual administra dois equipamentos de saúde: o Hospital Regional, que conta com 16 leitos de UTI, e o Ambulatório Médico de Especialidades (AME).

Neste sábado (2), a cidade está com 38% de ocupação dos leitos públicos de UTI. Segundo Tiago, esse número avançou 10% em apenas cinco dias, o que reforça a importância do isolamento social.

Total
18
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Post

Corpo de rapaz desaparecido é encontrado no Rio Jundiaí

Next Post

Caixa amplia horário de atendimento a partir desta Segunda-feira (04)

Related Posts