A Prefeitura de Indaiatuba (SP) anunciou agora pouco que a cidade tem o primeiro resultado positivo para o coronavírus. Trata-se de um homem de 36 anos que mora em Indaiatuba, trabalha em Campinas (SP), e tem histórico de ida à São Paulo capital. Ele não está internado, mas em isolamento social na própria residência desde o dia 20 de março. O homem não tem sintomas severos, mas sintomas leves. A mulher dele também foi testada, mas o resultado ainda não saiu. O bairro do primeiro resultado positivo não foi divulgado pela Prefeitura nesta segunda-feira (30).

O HAOC informa que neste domingo, dia 29 de março, foram registradas duas novas internações de paciente com síndrome respiratória. Destes: 3 em ventilação mecânica (intubados) e 3 em ventilação espontânea. Total de 6 pacientes internados com suspeita de COVID-19. Ocorreu 1 transferência para outro hospital. Não foram registradas altas ou óbitos de casos suspeitos de coronavirus nas últimas 24 horas. Todos os casos considerados suspeitos têm exames colhidos para análise do Instituto Adolfo Lutz (IAL), sem resultados até o momento.

O Estado de São Paulo registra pela primeira vez, neste domingo (29), a morte de dois jovens pelo novo coronavírus, no mesmo dia. Os rapazes de 26 e 33 anos da Capital estão entre as 14 vítimas fatais da COVID-19 contabilizadas hoje, todas atendidas na rede privada de saúde.

Além dos dois jovens, há um homem de 89 anos de São Bernardo do Campos e outros 11 da Capital, sendo cinco mulheres (71, 84, 84, 87 e 90 anos) e seis homens (60, 67, 79, 76, 63, 83). O histórico clínico dos jovens, se tinham algum tipo de comorbidades por exemplo, estão sendo investigados.

Até o meio desta semana, apenas a Capital paulista registrava óbitos relacionados à COVID-19. Agora, os municípios de Vargem Grande Paulista, São Bernardo do Campo, Guarulhos, Taboão da Serra, Embu das Artes, Sorocaba e Ribeirão Preto também contabilizam pelo menos um óbito. SP também registra 1.451 casos confirmados.

Informações: Comando Notícias

0260

You may also like

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Coronavírus