Justiça decreta prisão de motorista por app suspeito de estuprar passageira

Segundo o boletim de ocorrência, o crime teria ocorrido depois que o valor de R$ 15,30 não foi pago.

A Justiça decretou a prisão temporária de 30 dias de um motorista por aplicativo suspeito de ter abusado sexualmente de uma passageira, em Jundiaí (SP), na região do bairro Nova Cidade Jardim. A polícia cumpriu mandados de busca na manhã deste sábado (18).

O caso chegou à Delegacia de Defesa da Mulher no dia 13 de janeiro por denúncia da jovem, de 18 anos. A mulher informou, conforme o boletim de ocorrência, que na manhã do dia 11 de janeiro um carro parou ao lado dela e o motorista teria a ameaçado com uma arma para que entrasse no veículo.

Em seguida, ele teria dirigido para um local sem movimentação e praticado o crime. Ainda na ocasião, a mulher teria sido deixada em um terreno baldio e resgatada ao hospital, onde foi medicada contra doenças e prevenção de gravidez.

A jovem relatou à polícia que no dia 22 de dezembro pediu uma viagem por aplicativo de casa ao trabalho e que o motorista seria o homem que a abordou dias depois. O motivo do ataque, ainda conforme o registro, foi pelo não pagamento de R$ 15,30.

A mulher também afirmou que o rapaz disse: “Ou você paga de um jeito ou de outro”. Desde então, o homem teria sido visto na região até a suposta abordagem. A alegação da jovem da cobrança foi vista por testemunhas, de acordo com o boletim de ocorrência.

O motorista foi intimado pela delegacia e compareceu apenas o advogado. No entanto, a esposa do investigado contou à polícia que estava com o rapaz no dia em que foi informado que teria ocorrido o crime, o que contraria a versão apresentada pela passageira à polícia.

Segundo a delegada, as investigações do caso continuam. O motorista não foi localizado pela polícia.

Com informações do G1

Total
1
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Post

BBB 20, terá ação no Maxi Shopping nesta terça-feira (21)

Next Post

Criminosos invadem imóvel após renderem pedreiro e fogem com caminhonete

Related Posts