‘Morreu também um pedaço de mim’, diz mãe de bebê que faleceu por intoxicação com remédios em hospital do DF

Gabrielly Tauane Rabelo Sousa não resistiu a uma superdosagem de medicamento prescrito por médica, no Hospital Regional de Planaltina. No mesmo dia, outro bebê morreu após receber quantia 12 vezes maior de antibiótico.

Passados nove anos da morte da filha Gabrielly Tauane Rabelo Sousa, Tatiana Rabelo decidiu romper o silêncio. A bebê tinha nove meses, quando deu entrada no Hospital Regional de Planaltina, no Distrito Federal, em 28 de maio de 2012, com indícios de pneumonia.

Três dias depois, morreu após uma intoxicação por superdosagem de um antibiótico prescrito por uma médica. No mesmo dia, um outro bebê, Paulo Henrique Siqueira dos Santos, de 5 meses, faleceu na unidade pelo mesmo motivo. Segundo laudos, os dois receberam quantias de 12 a 15 vezes maior do remédio que o indicado para crianças.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Post

Brasil recebeu 1º lote da vacina da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos nesta quinta-feira (13)

Next Post

Itupeva tem mais de 19 mil pessoas com a vacinação da Covid-19 incompleta

Related Posts